segunda-feira, 19 de agosto de 2013

A ceia do hospital


É tão bom trabalhar à noite e lá pras 3h, 4h da manhã, quando a fome aperta, comer a ceia!
Quem não gosta do pão, que se for lançado à cabeça de alguém, é capaz de provocar uma contusão?
Quem não gosta do pão de leite ou croissant que se desfaz em farelos ao toque, com sabor a plástico?
Quem não gosta do sumo ácido, muito bom para uma azia nocturna?
E o pacotinho de compota de sabor fabricado, cheia  de E´s, espessantes, conservantes, etc?
E a saqueta de descafeínado que ninguém usa?

Para quem não sabe, a ceia é constituída por um conjunto de "alimentos", se assim os podemos denominar, fornecida pelo hospital a todos os funcionários, no turno da noite.
É paga com o dinheiro do subsídio de alimentação de cada funcionário e é (pelo menos em Viana) má a todos os níveis: nutritivo, qualitativo.

Abro aqui um espaço de discussão sobre este tema, aberto também a profissionais de outros hospitais, de forma a tentar perceber como é a ceia nos outros locais.
Reclamem, sugiram! Abro uma página do facebook na expectativa de que se crie um movimento de indignação: "Por uma ceia decente"

Façam likes, comentem e partilhem, a ver se isto muda e nos tratam com um pouco mais de consideração!



23 comentários:

  1. Considero realmente que a nossa ceia não é grd coisa, se os alimentos seleccionados fossem com mais qualidade, um pão e pão de leite mais fresco, uma fruta mais madura e a saber a qq coisa, já seria uma boa ceia, pk em termos de quantidade ela é bem preenchida. Trabalho tb noutro hospital e aí sim a ceia é vergonhosa, uma vez que, é constituida por um pão com queijo ou fiambre feito as 09h da manhã do dia anterior, um iogurte e uma peça de fruta verde! sem duvida axo que é uma falta de respeito por quem trabalha de noite...

    ResponderEliminar
  2. esqueceste-te da maça podre ou da laranja seca...

    ResponderEliminar
  3. Qual é a novidade?!?!
    Já é assim há cerca de 25 anos.
    Alguns reclamaram, outros calaram-se.
    Agora... fazer likes ?!?!?!?
    Fazer dislikes?!?!?!!?!
    Por mim podem clicar as vezes que quiserem, onde quiserem, como quiserem. Isso não leva a nada.
    Organizem-se de forma racional, lógica e oficial. Doutra forma, se quiserem aliviar a revolva em vez de clicarem até saltar a tecla do rato, vão passear.
    Ah!... mas as pessoas não têm tempo para ser organizarem e debater a resolução dos problemas. Ainda por cima temos que ir ao festival superbock e á praia e ao facebook. Não dá para tudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pelo menos, alguma coisa estou a tentar fazer. Por vezes o poder do facebook pode surpreender. A ideia é criar um movimento, um debate e organizaçao de ideias, depois logo vemos o que fazer, pois a minha ideia é pelo menos a longo prazo mudar o que ha 25 anos esta mal, mas como disse, isto ja é algo e melhor que

      Eliminar
    2. Ja é alguma coisa e melhor que nao fazer nada

      Eliminar
  4. Subscrevo cada linha deste post!
    Raramente como o croissant (só quando a fome é muita!), já não me recordo da última vez que comi a compota (o que vai valendo é que há quase sempre um pacotinho de manteiga no frigorífico do serviço) e os sumos da Fresky, destes nem se fala (principalmente o de sabor a laranja!).

    ResponderEliminar
  5. A ceia nunca vai agradar a todos. Eu, por exemplo, gosto do fresky de todos os sabores, não suporto é o compal de pêra.
    Devemos exigir é mais qualidade, como pão ou croissant fresco e fruta de qualidade, ou uma compota que tenha mesmo fruta e não apenas açucar e aditivos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é que nao agrada a ninguém Todos os que vejo se queixam

      Eliminar
    2. Acho que não é bem assim.
      Eu penso que o problema é só de uns poucos (muito poucos).
      Eu penso que a maioria até está bem satisfeita e contente. Só uns poucos (3 ou 4 em 400 ) é que estão insatisfeitos. Se não fosse assim já há muito que as coisas teriam mudado.
      Quanto aos cliques nos likes e dislikes no facebook, isso tem o chamado efeito de placebo psicológico. É como nos semáforos, clico 2,... 3,... 4,... 5 vezes e nada acontece. O semáforo só muda para verde quando tem que mudar, até lá cliquei uma série de vezes e descomprimi... e depois de decorrido o tempo normal lá mudou para verde.
      As acções nas redes sociais só são eficazes quando acompanhadas de acções concretas nos contextos onde a situação ocorre. Se não houver uma acção real em consequência do movimento gerado na rede nada acontece.
      CONCRETIZANDO: se houver um abaixo-assinado, se houver um pedido de reunião por uma comissão de trabalhadores, se houver um pedido de reunião por um sindicato, aí sim, a "onda" gerada na rede social irá ter impacto na realidade e gerar mudança.

      Mas não custa nada tentares.

      Ah! Não te esqueças da letra da música dos Deolinda: "agora não que me doí a barriga, agora não que joga o Benfica", etc, etc, etc...

      Eliminar
    3. Não é bem assim? Não me parece que faças noites...
      3 ou 4 em 400?? Essa é pra rir??!
      No meu serviço, lido com várias dezenas de profissionais, só enfermeiros mais de 50. Já ouvi queixas de mais de metade, ou seja, 25 (pelo menos!! E contabilizando enfermagem apenas) a outra metade não coloca defeitos, mas também não atribui qualidade.
      Quanto aos likes e deslikes, repito, isto apenas se trata de uma intenção de criação de um movimento e local de debate e ideias. Os likes servem para eu avaliar a adesão, que até nem tem sido má... mais de 50) e para, caso queiram, partilhar com outros colegas, para que a ideia e o "movimento" dissemine.
      Com tudo o resto que dizes, concordo! ate com a Deolinda!

      Eliminar
  6. Também não me importava de ter um pão com fiambre ou queijo de vez em quando

    ResponderEliminar
  7. O facto do pão e do croissant das ceias parecerem "secos",deve-se ao facto de serem embalados cedo(não há outra alternativa) e consumidos tarde, porque ambos são frescos,agora quanto ao sumo foi o que ficou estabelecido no caderno de encargos com a empresa concessionada e quanto a isso agora é esperar que o contrato acabe e seja alterado,no entanto presentemente Viana é um dos poucos,senão o único,hospital que fornece ceia nocturna aos funcionários....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela resposta! Fico feliz porque parece que o problema chegou a alguém que me parece que tenha responsabilidade na matéria, neste caso ceia.
      Bom, então é assim ("não há outra alternativa") é frase que não se aplica, lamento mas há sempre alternativa, basta querer. Se são embalados cedo, que sejam mais tarde! Mas esse nem é o principal problema, o principal problema reside numa palavra: QUALIDADE! O pão ou croissant são secos porque não prestam! Essa é que é a verdade! Quanto ao sumo aceito a resposta
      Alternativas?? Façam um acordo com a padaria Ameadella p.e, que já vende para o Bar do pessoal. Qualidade e profissionalismo por lá não falta... e não, não sou sócio ou tenho amigos familiares por lá... apenas sei ver distinguir um produto que tenha qualidade de um que não tenha. Provavelmente até poupariam dinheiro.
      Mas há outras soluções.. por exemplo dar um plafond pras máquinas de alimentos que estão pelos pisos... não é o ideal, mas uma sandes mista lá, sempre é melhor que pão duro com manteiga ou doce industrial.
      Quanto aos hospitais que fornecem a ceia não me posso pronunciar ao detalhe, mas a maioria dos que conheço, fornece ceia.. outros dão uma senha para comer no bar que está aberto 24h ou perto disso... e os que não dão nada, pelo menos não devem descontar no subsidio de alimentação

      Eliminar
  8. Pedimos desculpa mas é apenas para divulgar. Um casal, a crise, poupanças e histórias de quem vive a crise como muitos outros, mas onde a poupança é o melhor remédio. Pode passar a mensagem…? Obrigado!

    http://ocarteiravazia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  9. Caro Guilherme,
    Apoio a sua causa mas é de salientar que em muitos hospitais não existe qualquer ceia...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Entao estao ainda pior que nos. Mas tambem é importante salientar que nesses hospitais onde nao sao fornecidas ceias, nao se retira uma percentagem do vencimento que diz respeito ao subsidio de alimentacao que cobre essa despesa. A ceia nao é oferecida, a ceia é paga com os nossos rendimentos mensais

      Eliminar
  10. Trabalho num hospital público,onde a partir de Março nos foi retirada pura e simplesmente a ceia da noite e não recebemos qualquer contrapartida,pelo çontrário todos os meses recebemos menos com os descontos e as retenções,por isso pelo que li Viana ainda é o céu.Quanto ao subsidio de refeição é igual para todos os funcionários façam trabalho por turnos ou fixo o valor é igual para todos...

    ResponderEliminar
  11. Estás com sorte que ainda tens pão e sumo, nós já não temos ceia desde o principio do ano, afinal a nova administração tinha que trocar de carrinhos...e no bloco dá sempre um jeitão não ter, especialmente quando passas a noite a trabalhar e não tens onde ir buscr de comer (Enfermeira de B.O. do CHO em T.V.)

    ResponderEliminar
  12. Caro colega...nós (CHBM)nem ceia temos já há muito tempo...ou levamos qualquer coisa para comer...ou estamos fritos...quando me lembro da minha querida ceia do hospital do desterro, que na altura era criticada...porque escolhíamos panado e vinha a nadar em óleo, omelete e ficávamos indispostos os resto da noite, atum, a mesma coisa, carne assada era seca, fiambre e tínhamos medo que se estragasse porque ficava fora do frigorífico, presunto, tinha gordura que não tiravam, queijo, manteiga...enfim...e mais o croissant, sumo ou leite, ou leite com chocolate ou iogurte...e ainda assim reclamávamos...agora não temos nada...zero...

    ResponderEliminar
  13. Pior que as nossas ceias é deixar de haver chá e café disponível para os doentes em determinado centro hospitalar e os doentes com dieta mole serem corridos a pápa ao pequeno-almoço quando muitos preferem leite e pão, por exemplo. Estamos cada vez pior!

    ResponderEliminar
  14. SENHORES, QUE SE LUTE PELOS DIREITOS EU SOU O PRIMEIRO A AVANÇAR... MAS POR DESEJOS... PENSO DUAS VEZES...
    NESTE CASO SEJAMOS REALISTAS.... AS PADARIAS TRABALHAM DE NOITE, ENTREGAM OS PRODUTOS PELA MANHÃ E SÓ SÃO CONSUMIDOS AO FAZER PELO QUE SEI QUASE 24 HORAS... SOU CLIENTE ASSIDUO DA AMEADELLA, E TENHO QUE SALIENTAR A QUALIDADE DOS PRODUTOS...FRESCOS... POIS JÁ TENHO FICADO EM CASA COM PÃES DE LEITE E CROISSANTS DELES E FICAM COMO ESTES...
    MAS ESTE MOVIMENTO É BOM, SE O TOPO DESTA INSTITUIÇÃO DER VALOR AO QUE AQUI ESTÁ, A EMPRESA CONCESSIONÁRIA DEIXA DE VENDER, NÓS DEIXAMOS DE COMER, E DE RECLAMAR....E DESCULPA TU NÃO DESCONTAS PARA A CEIA...DESCONTAS COMO TODOS NÓS PARA TUDO... MAS NÃO TE ESQUEÇAS QUE RECEBES O SUBSIDIO DE ALIMENTAÇÃO DE LEI, E A INSTITUIÇÃO APENAS EXIGE A EMPRESA CONCESSIONÁRIA QUE O VALOR DAS REFEIÇÕES SERVIDAS NÃO SEJA SUPERIOR AO QUE RECEBES, E EU NO CASO DELES JÁ TINHA A REFEIÇÃO AOS 4,27€, SEI ISTO PORQUE JÁ FIZ BARULHO POR ESTE MOTIVO, ACHAVA QUE TINHA A RAZÃO DO MEU LADO, MAS HOJE VEJO QUE NÃO COMO EM LADO NENHUM POR AQUILO QUE PAGO PELO ALMOÇO....NO BAR DO PESSOAL É MUITO MAIS CARO E COMES O MESMO TODOS OS DIAS, E PELOS VISTO A QUALIDADE NÃO É TUDO SE NÃO HOUVER OUTROS CUIDADOS E PELOS VISTOS AQUILO QUE TANTO GOSTAS NÃO É TRATADO DE ACORDO COM A QUALIDADE.... CASO CONTRÁRIO A ASAE NÃO O TERIA FECHADO... TENHO A DIZER QUE ESTAVA NO BAR DO PISO 2 QUANDO AS INSPECTORAS DA ASAE LÁ ESTIVERAM, O BAR ESTAVA EM PLENO FUNCIONAMENTO, E ASSIM FICOU, NÃO AS VI A FAZER NADA DE SUSPEITO NEM ME PARECEU QUE ESTIVESSEM PREOCUPADAS, APENAS OUVI REFERIR QUE ESTAVAM BEM....E A VISITA FOI ACOMPANHADA POR UM REPRESENTANTE DO HOSPITAL... POR AGORA AINDA TEMOS CEIAS... NO FUTURO NEM ONDE IR COMER, POIS PELO QUE SEI ATÉ AS MAQUINAS ESTÃO EM CRISE....
    QUANDO RECLAMEI COM A EMPRESA PORQUE COMIA SEMPRE O MESMO, COM QUEM FALEI RESPONDEU-ME QUE QUANTO A ISSO NADA PODERIA FAZER POIS TODOS OS DIAS TEM SEIS PRATOS Á ESCOLHA E QUE COMO É COMPREENSIVEL NÃO OS PODERIAM GARANTIR DURANTE TODO O TEMPO DE REFITÓRIO, POIS NÃO PODERIAM CONFECIONAR 150 PRATOS DAS CINCO VARIEDADES....
    RECLAMEI MUITO POR TER QUE ESPERAR PELAS MASSAS E O QUE GANHEI COM ISSO, MASSA SEM POSSIBILIDADE DE ESCOLHA, TEMOS ESTA E PRONTO.... HOJE TENHO SAUDADES DAS MASSAS AO MOMENTO E ESCOLHER OS INGREDIENTES.... É SÓ RECLAMAR E DAR O LOUVOR AO QUE O MERECE...É SÓ RECLAMAR, RECLAMAR... NÃO HAVERÁ NADA DE BOM NESTE HOSPITAL QUE MEREÇA SER FALADO COMO TAL....

    ResponderEliminar
  15. Li li li e nao percebo onde queres chegar... Reclamar? Reclamo e continuarei a reclamar contra o que para mim está mal. Ja disse e repito, ha produtos na ceia que nao tem interesse nenhum.. Façam um revisao.. Reclamo, mas deixo uma sugestao

    ResponderEliminar
  16. Não compreendo. Eu trabalhei no internamento e sempre me entregaram a ceia e nunca me apercebi que no final do mês me tirassem dinheiro no vencimento. Afinal, quem trabalha de noite para ter direito a ceia tem que a pagar? É que se não quem trabalha de dia , também, tem direito a sumo, pão, fruta, etc e ao que me parece ninguém tem.

    ResponderEliminar